quarta-feira, junho 30, 2010

25/06/2010 - Tudo junto e misturado

EDIÇÃO DE 25/06/2010 DA COLUNA COZINHA DE ESTAR/JORNAL NOTÍCIAS DO DIA, por Luciane Daux


 (foto divulgação)
Presente em quase todas as cozinhas, em especial a chinesa, tailandesa, alemã, e americana, a mistura de sabores também faz sucesso em terras verde-amarelas. Feijão com banana, laranja com feijoada, carne assada com abacaxi e queijo com goiabada fazem parte da nossa cultura gastronômica. Cada um tem a sua preferência - você certamente tem a sua. Por mais extravagante que possa parecer, o importante é que a combinação seja agradável e apetitosa!

5 ou 6 gostos?
Paladar e olfato em conjunto trabalham para que possamos reconhecer e apreciar os sabores, combinando informações sensoriais da língua e também do nariz. Somos capazes de distinguir 5 (ou 6, alguns dizem) gostos básicos, ou seja são independentes, não podendo ser criados através da combinação de outros sabores. São eles: salgado, azedo, doce, amargo, umami e já se fala no sabor aquoso. O umami, embora poucos se dêem conta, é o sabor de certos amino-ácidos como o glutamato monosódico, um “realçador “ do sabor, muito presente na cozinha oriental. Foi descoberto e catalogado em 1908 por um químico japonês, Dr. Kikunae Ikeda. Já o aquoso é mais recente: já se provou que possuímos receptores gustatórios específicos para a água.

Para ler
(foto divulgação)
Sentidos à Mesa - Saberes Além dos Sabores. Editora Rosari, 2010, 112 páginas. A autora, a florianopolitana Sandra Ramalho Oliveira, sempre muito articulada e inteligente, com texto fácil e agradável mostra que “apreciar uma refeição - em casa, sozinhos ou com a família, ou no restaurante (lugar onde restauramos nossas forças) acompanhados dos melhores amigos, envolve muito mais coisas do que se imagina”. R$ 39,90 em http://www.americanas.com.br/



Sabores da memória (foto Ping Pong)
“Nossa última saborosa experiência foram as comidinhas chinesas do Ping Pong, restaurante de Londres que abriu filial em São Paulo. O grande barato lá é provar pequenas porções de cada prato, que eles chamam de dim sum. Iniciamos por um caldo de coco levemente picante, com wanton de frango, seguido pelos steameds, que são pratos feitos no vapor e servidos em cambucas de bambu. Por exemplo, o Har Gau, feito com camarão e broto de bambu, dentro de uma massa fina branca.
O sabor mais especial foi agridoce: Vegetable&chicken puff, que é massa folheada com recheios de legumes soutée e mel, e frango com mel. De sobremesa, os sorvetes de gengibre, lichia e canela. Além de drinks exóticos, como Lychee and Roses (smirnoff red, pétalas de rosas, limão e suco de lichia), pudemos provar os chás de flores, que são um show à parte, com a flores se abrindo dentro das taças. Um visual super especial.” Giovani e Tais Bonetti, arquitetos

Para colecionar
Frango Thai
(foto Joaquim Araujo)
(Luciane Daux)
1 kg de filezinho de peito temperado
150 g de castanha de caju picada
150 g de bacon frito
250 g de batata palha
1 cebola picada
150 g de coco ralado
250 g de creme de leite
1 colher de sopa de curry em pó
300 g de manga em dadinhos
100 g de manteiga
3 tomates liquidificados

1. Derreta a manteiga e nela frite a cebola até ficar transparente. Junte os filezinhos inteiros e refogue.
2. Acrescente os tomates liquidificados e deixe cozinhar até engrossar. Junte o creme de leite e o curry. Deixe ferver por 5 minutos e sirva imediatamente.
3. Sugestão: Acompanhe com castanha de caju picada, bacon frito, batata palha, coco ralado e arroz branco
(fonte: http://www.tyson.com.br/)

Bruschetta de presunto cru e manga ao azeite de açafrão  (foto Ricardo Caldas)
(Chef Ricardo Caldas)
4 fatias de pão baguette cortadas na horizontal
4 fatias médias de presunto cru
8 galhinhos de folhas de agrião fresco
8 lâminas de manga madura
Pimenta do reino a gosto
Azeite de oliva aromatizado com ervas e açafrão (para decoração)
Redução de vinho tinto para decoração

1. Regue as fatias de pão com o azeite de açafrão dos dois lados. Leve-as ao forno por 5 a 8 minutos. Logo que estiverem com uma aparência dourada e crocante, retire do forno e coloque-as no prato de servir.
2. Sobre cada fatia de pão coloque uma lâmina de manga e um galhinho de agrião.
3. Enrole cada fatia de presunto cru e coloque-a sobre a bruschetta.
4. Adicione uma pitada de pimenta do reino preta moída na hora e, antes de servir, regue a bruschetta com o azeite de manjericão.
5. Decore com o azeite de açafrão e redução de vinho tinto ao redor do prato. Finalize a decoração com pequenos ramos de salsinha fresca.

sábado, junho 19, 2010

18/06/2010 - Queijos ... e vinhos!

EDIÇÃO DE 18/06/2010 DA COLUNA COZINHA DE ESTAR/JORNAL NOTÍCIAS DO DIA, por Luciane Daux

Estamos todos autorizados a fazer noites de “queijos e vinhos”: na 2ª feira começa o inverno. Hábito europeu, justificado pelo rigor do inverno no hemisfério norte, foi adotado especialmente no Sul do Brasil, onde as temperaturas nesta época são uma boa desculpa para tantas calorias. O sucesso de uma festa assim depende não só do que se vai comer e beber, mas das companhias escolhidas para esse momento informal, onde a conversa descontraída e o clima amistoso são pano de fundo para uma noite fria, porém saborosa. E o que sobrar (se sobrar) dos queijos, quebre as regras e invente. Que tal fazer um pão de queijo com provolone?

Outras opções
Para complementar a mesa de queijos, sugestão de outras delícias:
  • Pães variados e torradas
  • Frutas frescas como peras, maçãs, uvas, e secas como damascos e figos
  • Oleaginosas como nozes, pistache, castanhas
  • Patês e terrinas
  • Tomates secos
  • Água, que nunca pode falta à mesa
Novo espaço enogastronômico (foto Chef Ricardo Caldas – foto Presse Comunicação Empresarial)
Nesta semana Florianópolis ganhou a Enoteca Decanter. São mais de 900 rótulos exclusivos, de 13 países diferentes, wine bar (onde pede-se o vinho por taça, ou seja, você pode degustar 3 ou 4 vinhos diferentes numa mesma ocasião), café gourmet e espaço cultural enogastronômico. O cardápio, assinado pelo Chef Ricardo Caldas (foto), prima pelas harmonizações enogastronômicas, e oferece peito de pato defumado, seleção de queijos maduros e tábuas de frios especiais. Terrines e pães de João Lombardo, do Pão Italiano. A partir de 30 de junho o espaço estará aberto ao público de quarta a sábado, das 14 às 19h. Na Rua Herman Blumenau, nº 207, sobreloja da Decanter Vinhos.


“Como se há de governar um país que tem 246 variedades de queijo?” Charles de Gaulle, estadista e militar, foi Presidente da França de 1958 a 1969 (foto Charles De Gaulle Museum Lille France)






Como harmonizar (foto divulgação)
Você escolheu os queijos mas não sabe com quais vinho servir? Dicas de quem entende:

Roquefort, Gorgonzola, Danablue: Messias do Porto Tawny/Portugal - R$ 39.99
Grana-Padano, Parmeggiano: Coli Chianti/Itália R$ 29.90
Adriana Stanga, atendente da seção de vinhos do Hippo Supermercados – Tel. 3212-6600

     Brie, Camembert: Casa Silva Colleccion Carmenere/Chile (foto) - R$ 45,00
     Emmental, Gouda, Reino, Tilsit, Port-Salut: Luca Malbec/Argentina - R$100,00)
Ricardo Erig, enófilo,Cinema&Vinhos - Tel. 3225-5411
Para colecionar
Sopa creme de queijo gorgonzola (foto Selina)
100g de queijo gorgonzola
2 talos de salsão picado
2 colheres de sopa de manteiga
1 cebola média picada
1 colher (sopa) de farinha de trigo
750ml de leite integral
100 ml de creme de leite
sal a gosto
noz moscada a gosto
2 pães italianos pequenos

1. Doure a cebola e o aipo picados na manteiga. Acrescente a farinha de trigo e deixe alourar.
2. Junte o leite e deixe engrossar, mexendo sempre, cuidando para não criar pelotas.
3. Pique o queijo gorgonzola e acrescente à sopa, junto com o creme de leite.
4. Acerte o sal, mas cuidado pois o queijo já é salgado. Coloque a noz moscada ralada e deixe ferver.
5. À parte, tire uma tampa dos pães italianos, e retire todo o miolo da parte maior, cuidando para não furá-lo.
6. Se desejar, sirva a sopa dentro de pães italianos cavados, deixando a tampa ao lado, para enfeitar.
7. Rendimento: 2 porções

Mini Quiche de Queijos (foto divulgação)
7 colheres (sopa) de farinha
1 gema
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de óleo
1 colher (chá) de sal

Recheio:
1 copo de leite
4 ovos
Sobras de queijo (ralados, pode ser queijo meia cura, parmesão, provolone...)
Noz moscada a gosto
1 colher de sopa de manteiga
2 colheres (sopa) de salsinha


1. Misture os ingredientes da massa sem trabalhar muito e forre forminhas (tipo empada, tamanho grande).
2. Misture os ingredientes do recheio sem ir ao fogo, encha as forminhas sem colocar tampa.
3. Leve ao forno por 30 minutos ou até dourar levemente.
4. Decore com fatias de cogumelos (opcional).
5. Rendimento: 8 mini quiches.

sexta-feira, junho 11, 2010

11/06/2010 - Vermelho é a cor do amor

EDIÇÃO DE 11/06/2010 DA COLUNA COZINHA DE ESTAR/JORNAL NOTÍCIAS DO DIA, por Luciane Daux


O que fazer para um jantar a dois, algo fácil e rápido e que, mesmo assim, surpreenda? Me vêm à mente morangos e pimentas. Numa ocasião dedicada à paixão vamos prepará-los em forma de risotto, numa receita sensual e maliciosa. Assim também será a sobremesa, picante e com gostinho de “quero mais”. E para o intervalo do amor, morangos banhados com chocolate serão energia bem-vinda. Para quem não está namorando, fica a sugestão de convidar aquele alguém especial para uma sessão de filmes românticos, e uma taça de espumante com morangos. Difícil resistir ... Beijos e feliz Dia dos Namorados!
(foto divulgação)

Cozinha Casa Nova 2010 (foto divulgação Mantovani e Rita)
De 11 de junho a 18 de julho, estarão reunidos arquitetos, designers, designers de interiores, paisagistas e empresários do trade imobiliário no piso G3 do Beiramar Shopping. Entre os 65 ambientes da Mostra, a cozinha “SCA Experience by Mantovani e Rita” destaca-se pela leitura contemporânea da culinária açoriana. Nesta proposta, madeira, pedra natural e tecido de chita foram usados em harmonia com as últimas tendências, além de levar os visitantes a experimentar uma viagem gastronômica através dos Gourmets da cidade. Diversos eventos gastronômicos estão previstos para o espaço.
Serviço:
O quê: Mostra Casa Nova 2010
Quando: De 11 de junho a 18 de julho
Horário: Das 14h às 21h30
Local: Beiramar Shopping – Rua Bocaiúva, 2.468, Centro, Florianópolis
Ingressos variam de R$ 5 a 15

Filmes românticos para ver a dois: (foto divulgação)
Filmes românticos são sempre um bálsamo para a alma! Minhas sugestões são 3 filmes com a atriz Meg Ryan, que faz a gente querer estar sempre apaixonada. Escolha um, convide alguém especial para lhe fazer companhia e apaixone-se!
• Mensagem para você
• Sintonia de amor
• Harry e Sally – feitos um para o outro

Morangos com chocolate (foto divulgação)
Lave bem uma caixinha de morangos. Deixe secar completamente sobre papel-toalha. Muito fáceis de fazer. Derreta em banho-maria uma barra de 200g de chocolate meio amargo (se preferir junte meia colher de sopa de gordura vegetal hidrogenada, pois fica uma cobertura mais fina). Segure os morangos pelo cabinho e mergulhe-os até a metade no chocolate ainda quente. Leve à geladeira por 10 minutos e estarão prontos!

Para colecionar
Risotto de Morangos (foto divulgação)
1/2 cebola picada
2 colheres (sopa) de manteiga
1 ½ xícara (chá) de arroz arbório
1 taça de espumante brut (ou vinho branco seco)
600ml de caldo de legumes
2 colheres (sopa) de nata
2 xícaras (chá) de morangos lavados e picados
Pimenta do reino branca moida
Morangos inteiros para decorar
Cheiro verde para salpicar

1. Murche a cebola na manteiga em fogo baixo e acrescente o arroz arbório sem lavar. Mexa constantemente por um minuto.
2. Acrescente uma taça de espumante brut e continue mexendo. Junte metade dos morangos picados.
3. Vá juntando o caldo de legumes aos poucos, mexendo sempre. Quando o arroz estiver “al dente” (ainda levemente durinho quando você morder), junte o restante dos morangos picados e as duas collheres de nata.
4. Acerte o sal, coloque a pimenta do reino branca.
5. Sirva o risotto e decore com os morangos inteiros e o cheiro verde salpicado.
6. Sirva sozinho ou acompanhado de algum assado.
7. Um bom espumante brut faz par perfeito com esse prato.
8. Rende 2 porções.

Morangos mágicos ao creme (foto divulgação)
1 kg de morangos
8 colheres (sopa) de açúcar
3 colheres (sopa) de vinho tinto seco
1 colher (chá) de pimenta dedo-de-moça sem sementes, picada
1 lata de creme de leite
folha de hortelã para decorar

1. Retire os cabinhos dos morangos e lave-os bem. Deixe escorrer o excesso de água.
2. Polvilhe sobre eles 6 colheres (sopa) de açúcar, o vinho tinto e a pimenta. Misture bem e reserve.
3. À parte, bata no liquidificador o creme de leite com metade dos morangos e duas colheres (sopa) de açúcar.
4. Em taças individuais, coloque uma porção de creme batido, os morangos inteiros e uma folhinha de hortelã.
5. Sirva gelado.
6. Rendimento: 6 porções.
Fonte: WWW.nestle.com.br

quinta-feira, junho 03, 2010

04/06/2010 - Talento que se aprende


EDIÇÃO DE 04/11/2010 DA COLUNA COZINHA DE ESTAR/JORNAL NOTÍCIAS DO DIA, por Luciane Daux
(ilustração divulgação)Muita gente pergunta desde quando cozinho. A resposta é: desde sempre, porque sempre gostei. Curiosa, fui espiando aqui e ali, lendo, pesquisando e perguntando, estudando. Mas tem que ter “mão para a cozinha”? Não necessariamente! Está certo que algumas pessoas têm “o dom”. Mas cozinhar também se aprende (e mesmo quem sabe muito sempre aprende alguma coisa nova, pode ter certeza). Raramente pensamos nisso, mas cozinhar nada mais é do que um somatório de processos físicos e químicos. Coisas que aprendemos na escola e jamais imaginamos que vamos usar na cozinha. Pois vamos, e quanto mais aprendemos sobre isso, mais coisas gostosas fazemos. Para isso existem as escolas de culinária. Sejam faculdades de graduação, cursos técnicos ou aulas de culinária, a cozinha é para todos. Atenção que a aula vai começar! Todo mundo presente?

Cozinha Escola
Inaugurada em abril/2010, a Cozinha Escola Formaplas/ACIF tem agendados treinamentos que serão oferecidos por parceiros da entidade e abertos ao público ou realizados por empresas para seus colaboradores. O espaço está equipado para sediar cursos e eventos de formação profissional para até 40 alunos. Além de treinamentos básicos e obrigatórios como o de manipulação de alimentos, serão oferecidos ainda cursos de auxiliar de cozinha, copeiro, garçom e de chefes da alta gastronomia. Os cursos foram escolhidos a partir de uma demanda identificada pela entidade.
Serviço:O que: Cozinha Escola Formaplas/ACIF.
Onde: Regional Lagoa da Conceição da ACIF, Rua Nossa Senhora da Conceição, n. 30. Salas 4, 5 e 6, telefone (48) 3232-8326.


Aulas de culinária
Além das faculdades de gastronomia, em Florianópolis encontramos algumas escolas. Eis algumas delas:
• Oficina Culinária Floripa - Fone 3334-0372 ou www.oficinaculinariafloripa.com.br
• Ceres Azevedo – Fone 9162-8041 ou WWW.ceresazevedogastronomia.com.br
• Isamara Amâncio - Fone 3240-2004 ou www.isamaraamancio.com.br
• Silvia Nicolau - Fones 3225-8631 e 3025-3725 ou www.silvianicolau.com.br
• Paladino Chef Curso de Culinária Japonesa - Fone 9968-7791 ou www.paladinochef.com
• Hum comida - Fones 9963-4253 e 8467-4525 ou www.humcomida.blogspot.com

Trufas frescasPelo quarto ano seguido, Claudio Savitar, proprietário da fattoria de trufas Savitar, traz as divinas trufas frescas da Toscana, Itália, para preparar delícias como Foies Gras grelhado na manteiga trufada e outros pratos especiais na cozinha gourmet do Emporium Bocaiuva. Seu parceiro no comando do fogão durante o evento é outro apaixonado pela cozinha, o fotógrafo Phillippe Arruda.
Sábado, dia 05/06, a partir das 12 horas, no Emporium Bocaiuva. Rua Bocaiúva, 1901.
Fone 3224-1670

Dal Pizzol Edição Especial 35 anos (foto divulgação Vinícola Dal Pizzol)Lançado em Florianópolis na última semana o especialíssimo Vinho Dal Pizzol 35 anos, comemorativo aos 35 anos da vinícola. Uma verdadeira obra de arte, é um assemblage resultado de uma harmoniosa combinação de Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc e Ancellotta, originando um vinho elegante, persistente, robusto, maduro, de grande complexidade. A série é reservada e limitada a 3.350 unidades. À venda na Essen e Decanter Importadora. Rua Hermann Blumenau, 207 – Fone 3223-1500.

Para colecionar
Mousse de morango com chocolate
(foto divulgação)
Mousse de morango:
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
1 ½ lata de morangos limpos
4 colheres (sopa) de suco de limão

À parte:
1 barra de chocolate meio amargo
1 lata de creme de leite

Para enfeitar:
Morangos picados

1. Para o mousse, bata o leite condensado com o creme de leite, os morangos e o suco de limão no liquidificador até engrossar ligeiramente.
2. À parte, derreta o chocolate em banho-maria junto com o creme de leite, até obter um creme liso. Retire do banho-maria.
3. Em vários copos, coloque uma camada de mousse de morango e intercale com outra do creme de chocolate. Repita o procedimento.
4. Decore com morangos picados.
Massa de panqueca (foto divulgação)
1 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícaras (chá) de leite integral
2 ovos inteiros, grandes
½ colher (sopa) de manteiga derretida
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
½ colher (chá) de sal

1. Bata no liquidificador todos os ingredientes.
2. Deixe a massa repousar na geladeira por uma hora (não pule o passo do repouso, pois é importante para a elasticidade da massa).
Unte uma frigideira anti-aderente com manteiga e aqueça à temperatura média.
3. Coloque uma concha de massa e gire a frigideira até espalhar. Quando começar a dourar, vire a panqueca. Retire e reserve.
4. Faça panquecas finas até acabar a massa.
5. Observação: normalmente a primeira panqueca quebra ou fica feia. Não se assuste, é a regra. A primeira panqueca é sempre da frigideira.
Sinta-se à vontade para comentar os posts.
(faça seu comentário ao final de cada post, no símbolo da canetinha).

Obrigada pela visita!

Lu